Duas novas linhagens da variante Ômicron são descobertas na África do Sul; entenda

Cientistas sul-africanos descobriram duas novas sublinhagens da variante Ômicron da Covid-19. Denominadas, BA.4 e BA.5, as variantes não estão associadas a um aumento de casos em países do continente e, por hora, não preocupam mais do que as versões anteriores da cepa.

Tulio de Oliveira, pesquisador que administra o sequenciamento de variantes da Covid-19 na África do Sul, revelou a informação no Twitter. Ainda de acordo com o pesquisador, o país segue com um baixo número de infecções e mortes pela doença, mas as variantes vão ser monitoradas para acompanhar sua evolução.

New Omicron BA.4 & BA.5 detected in South Africa, Botswana, Belgium, Germany, Denmark, and U.K. Early indications that these new sublineages are increasing as a share of genomically confirmed cases in SA. No cause for alarm as no major spike in cases, admissions or deaths in SA pic.twitter.com/PrcBWpVWtl

— Tulio de Oliveira (@Tuliodna) April 11, 2022

Novas versões da variante Ômicron

“Dadas as baixíssimas infecções, hospitalizações e mortes na África do Sul, somos alertados sobre a evolução contínua, mas não preocupados”, disse Oliveira, para a Bloomberg. “Toda a ciência laboratorial sobre neutralização de vírus e vacinas já está em andamento e estamos fortalecendo a vigilância genômica”, completou ainda.

Leia também!

Mais de 40 crianças tomaram vacina contra Covid-19 sem autorização de usoBrasileiros com 2º dose da vacina da Covid atrasada já são 18 milhõesBolsonaro diz que pandemia pode ser classificada como endemia em breve; saiba o que significa

As novas subvariantes possuem mutações semelhantes às da BA.2, a versão considerada mais contagiosa da Ômicron até o momento. As principais alterações são na proteína Spilke, responsável pela ligação do vírus com as células humanas. De acordo Oliveira, existem ainda alterações nos aminoácidos nas duas novas versões.

A África do Sul foi um dos primeiros países a detectarem a variante Ômicron, que surgiu inicialmente no continente africano. Foi no país também que houve a primeira grande onda pela Cepa, com um número de casos e mortes bem maior do que o causado pela variante Delta, que fez estrago em outros países do mundo.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Duas novas linhagens da variante Ômicron são descobertas na África do Sul; entenda apareceu primeiro em Olhar Digital.

Deixe um comentário