Horário de última refeição do dia altera chance de ter câncer, indica estudo

De acordo com um estudo realizado pelo Instituto de Saúde Global de Barcelona, o horário da última refeição pode alterar os riscos de uma pessoa desenvolver câncer de próstata ou de mama. As descobertas revelaram que comer antes das 21h ou ter ao menos um intervalo de duas horas entre o jantar e a hora de dormir pode contribuir para reduzir o risco desses dois tipos de câncer em 20%.

Para chegar nessa conclusão, a pesquisa analisou o comportamento alimentar e de sono de 621 homens diagnosticados com câncer de próstata e 1205 mulheres com câncer de mama. Sendo que excluídos casos de pessoas que fazem trabalho noturno, pois segundo outras análises, já estão ligadas ao maior risco de desenvolver uma das doenças.

Depois, com o ajuste feito considerando todos os fatores que influenciam o risco de câncer, os resultados demostraram que as pessoas que jantavam antes das 21 horas ou pelo menos duas horas antes de dormir tinham um risco 26 vezes menor de desenvolver câncer de próstata e também um risco 16% menor para o câncer de mama, ao ser comparado com quem comia depois das 22h ou dormia logo após a refeição.

O médico e líder do estudo, Manolis Kogevinas afirmou que caso sejam confirmados, os resultados podem ter implicações nas recomendações sobre prevenção de câncer: “O impacto pode ser especialmente importante em culturas como as do sul da Europa, onde as pessoas jantam tarde”.

Créditos: Shutterstock

Leia mais:

Sobrepeso atingiu mais da metade dos brasileiros em 2021Pesquisa indica condição que dobra o risco de câncer de útero em mulheresTirzepatida: FDA aprova ‘medicamento revolucionário’ contra a diabetes tipo 2

Fonte: O Globo

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Horário de última refeição do dia altera chance de ter câncer, indica estudo apareceu primeiro em Olhar Digital.

Deixe um comentário