Sean Penn considerou pegar em armas contra a Rússia

O ator, diretor e produtor de Hollywood Sean Penn afirmou ter considerado se juntar à resistência ucraniana e pegar em armas contra a Rússia.

“Eu estava no posto de gasolina em Brentwood outro dia e agora estou pensando em pegar em armas contra a Rússia? Que p… está acontecendo?”, disse Penn na revista Hollywood Authentic. Penn estava na Ucrânia gravando um documentário sobre o país quando este foi invadido pela Rússia.

Sean Penn estava na Ucrânia durante a invasão russa ao país, gravando um documentário. Ele afirmou ter se reunido com o presidente ucraniano Volodymyr Zelenskyy há dois anos, no início da pandemia. “Começamos a discutir um possível documentário sobre seu país que não fosse focado particularmente na guerra. E desde então tem havido muitas trocas entre nós. Então eu fui e o encontrei cara a cara no dia anterior à invasão. E eu estava com ele durante a invasão, no primeiro dia,” afirmou Penn.

Além desse grande envolvimento, Sean Penn afirmou ter considerado entrar na luta contra a Rússia. “A única razão possível para eu ficar mais tempo na Ucrânia da última vez teria sido eu estar segurando um rifle, provavelmente sem armadura corporal, porque como estrangeiro, você gostaria de dar essa armadura a um dos combatentes civis que não tem ou para um lutador com mais habilidades do que eu, ou para um homem ou mulher mais jovem que poderia lutar por mais tempo ou qualquer outra coisa. Então, onde estou na vida é difícil fazer isso, mas se você esteve na Ucrânia, [lutar] tem que passar pela sua cabeça. E você meio que pensa que século é esse?”

No entanto, ele retornou aos Estados Unidos no início de março e revelou planos de retornar. “Minha intenção é voltar para a Ucrânia. Mas não sou idiota, não tenho certeza do que posso oferecer. Eu não gasto muito tempo mandando mensagens de texto para o presidente ou sua equipe enquanto eles estão sob cerco e seu povo está sendo assassinado.”

O cineasta possui uma organização sem fins lucrativos, o CORE (Community Organized Relief Effort), que foi fundada em 2010 para auxiliar no terremoto que afetou o Haiti. A organização está oferecendo ajuda a refugiados ucranianos na Polônia.

Leia mais!

Diretor de “Bad Boys” diz que trabalharia novamente com Will Smith: “Ele é muito equilibrado”“Stranger Things”: criadores se inspiraram em “Game Of Thrones” para 4ª temporadaWalker Scobell será Percy Jackson na nova série do Disney+

“Tenho muito a ver com o CORE no lado receptor dos refugiados na Polônia. Estou filmando mais para o documentário, mas farei uma avaliação de última hora do valor que isso terá. As pessoas vão argumentar isso, e há um milhão de debates que eu entendo, mas a longo prazo, não temos nenhuma evidência tangível de que documentários realmente mudem alguma coisa. Nós simplesmente não temos. Só sabemos que eles podem dar esperança,” refletiu Penn.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!

O post Sean Penn considerou pegar em armas contra a Rússia apareceu primeiro em Olhar Digital.

Deixe um comentário