Escavação encontra instrumentos cirúrgicos antigos no Peru

Uma tumba datada entre 750 e 1375 a.C (antes de Cristo) foi escavada por arqueólogos em expedição científica na cidade de Lambayeque, no norte do Peru. A área provavelmente pertenceu a um médico ou curandeiro, considerando a ampla quantidade de facas, lâminas e outros instrumentos cirúrgicos encontrados nela.

O povo da antiga cultura lambayeque (também referida por “sicán” em alguns livros) é anterior ao Império Inca e sucedeu a civilização Moche. Nessa época, procedimentos cirúrgicos floresceram a ponto de tornar as civilizações antigas do Peru mundialmente conhecidas por suas capacidades médicas.

Leia também

Análise de antigas moedas romanas confirmam crise financeira de mais de 2.100 anos atrásFerramentas de mais de 45 mil anos revelam detalhes da extinção dos Neandertais na Península IbéricaNão é Machu Picchu: estudo diz que famosa cidade peruana em ruínas tem outro nomeInstrumentos cirúrgicos encontrados no Peru indicam expertise e alta capacidade em seu uso: material data do período lambayeqye, que veio antes do famoso Império Inca (Imagem: Andina/Divulgação)

O cirurgião que provavelmente habitava a tumba também foi encontrado, em posição sentada e com as pernas cruzadas. Em suas proximidades, foram encontradas uma máscara cerimonial com penas desenhadas nos olhos, um grande peitoral de bronze e uma tigela de cobre – todos estes, sinais de que o indivíduo tinham um status social elevado quando vivo.

De acordo com as informações divulgadas pelos arqueólogos, a tumba tinha mais ou menos 50 instrumentos, sendo eles “facas, agulhas e furadores, todos com um lado bem afiado e outro bem cego, para operações que exigissem batidas ao invés de cortes”. A maior parte tinha empunhaduras de ouro, mas algumas também eram de cobre. Ao redor também foi identificada uma tumi, uma faca cerimonial com o desenho da meia lua em sua empunhadura.

Considerando que, próximo a essa faca estavam alguns restos mortais – ossos de jovens e de adultos -, é bem provável que o cirurgião também engajasse em técnicas de trepanação (a abertura de um ou mais furos no crânio, na época, para fins de sacrifícios religiosos).

Entretanto, o processo também era comumente usado para fins clínicos: um estudo de 2018 chegou a afirmar que cirurgiões das regiões andinas eram tão bons nessa operação que a média de sobrevivência de seus pacientes era duas vezes maior do que a vista na guerra civil norte-americana – e a guerra veio a ocorrer mais de 300 anos depois.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Escavação encontra instrumentos cirúrgicos antigos no Peru apareceu primeiro em Olhar Digital.

Deixe um comentário

Direitos autorais © 2022 AkiBomba. Todos os Direitos Reservados.