Mascote de hospital serviu como o “indicador zero-G” da missão Ax-1

Não, não era o Tambor, dos filmes Bambi, da Disney. Na verdade, o “indicador zero-g” a bordo da primeira missão privada a visitar a Estação Espacial Internacional, a Ax-1, era o Caramel, o mascote da Fundação Hospital Infantil de Montreal. O bichinho de pelúcia foi visto flutuando dentro da Crew Dragon “Endeavour” da SpaceX logo após a espaçonave entrar na órbita da Terra com a tripulação.

Por causa das orelhas estendidas e um olhar de desenho animado nos olhos bordados, o cachorrinho de pelúcia marrom e bege parecia muito com o coelhinho da Disney.

“Parece que a tripulação está começando a se ajustar ao zero-g e, se você olhar para o canto direito, parece que podemos ver o indicador zero-g”, disse Kate Tice, gerente de engenharia de sistemas de qualidade da SpaceX.

A Axiom Space disse que o caramelo desempenhou um papel importante como indicador de gravidade zero da missão. Vale lembrar que esses indicadores de gravidade zero são pequenos itens, geralmente brinquedos de pelúcia, escolhidos por tripulações espaciais para fornecer uma indicação visual clara de que atingiram a microgravidade.

Essa tradição começou na Rússia, quando o cosmonauta Iuri Gagarin levou uma pequena boneca no primeiro voo espacial humano do mundo, em 1961. Desde então, muitos dos colegas cosmonautas do russo seguiram o exemplo, muitas vezes deixando seus filhos escolherem o brinquedo.

As primeiras quatro tripulações da SpaceX com destino à Estação Espacial Internacional escolheram bonecos de pelúcia de um dinossauro, o bebê Yoda, de Star Wars, um pinguim e uma tartaruga marinha para servir como indicadores zero-g.

A tripulação do Ax-1 selecionou Caramel como seu indicador por causa de uma parceria realizada com o Hospital Infantil de Montreal. Um dos tripulantes da missão é o canadense Mark Pathy, cuja ciência na estação incluirá vários projetos liderados pelos pesquisadores desse hospital.

Leia mais:

Ax-1, primeira missão particular, chega à Estação Espacial com 45 minutos de atrasoMissão Ax-1 é lançada com sucesso à Estação Espacial InternacionalPor que a missão privada Ax-1 para a Estação Espacial Internacional é um divisor de águas

“As investigações incluem pesquisas sobre dor crônica e distúrbios do sono durante viagens espaciais, que provavelmente terão impacto no mundo real”, diz o comunicado da Axiom.

Para celebrar o papel de seu mascote na missão Ax-1 e arrecadar fundos para sua pesquisa, a Fundação Hospital Infantil de Montreal está oferecendo uma lembrança de pelúcia Caramel por uma doação de US$ 200. Os doadores também receberão um patch de missão Ax-1 e uma carta de autenticidade assinada.

No entanto, o envio é limitado aos EUA e ao Canadá, e a quantidades é limitada: mil bonecos estão disponíveis para envio.

Perdeu o lançamento da Missão Ax-1? Reveja aqui:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Mascote de hospital serviu como o “indicador zero-G” da missão Ax-1 apareceu primeiro em Olhar Digital.

Deixe um comentário

Generated by Feedzy