Twitter indicará outros aplicativos para evitar assédio dentro da rede social

Para evitar assédio, o Twitter está recorrendo a desenvolvedores externos para obter ajuda. Em um novo teste, a plataforma recomendará outros aplicativos como uma medida adicional que os usuários podem adotar em relação às ferramentas integradas.

Com a atualização, o Twitter apresentará recomendações para uma série de outros aplicativos quando um usuário bloquear ou silenciar outra pessoa. Até o momento, os aplicativos incluem o ‘Block Party’, ferramenta que permite que as pessoas bloqueiem automaticamente contas que possam ser fonte de assédio, ‘Bodyguard’, que pode moderar respostas automaticamente e o ‘Moderate’, que ajuda os usuários a gerenciar suas menções.

Por mais as ferramentas já estavam disponíveis, os internautas do Twitter precisavam procurar esses serviços para configurá-los. Agora, a rede social os recomendará em seu aplicativo e site, junto com os suas próprios recursos de bloqueio e silenciamento.

A mudança é um sinal de que o Twitter está fazendo imersões entre outros desenvolvedores, sendo que já teve um relacionamento tumultuado com alguns. Os aplicativos de moderação são apenas um conjunto mais amplo de aplicativos de terceiros.

A iniciativa faz parte da renovação da plataforma do Twitter, que pode expandir essa ideia e recomendar outros aplicativos especializados em várias partes de seu serviço. Até o momento, não há mais detalhes.

Leia mais:

Anitta dá mais um passo na carreira e ‘Envolver’ é o clipe mais visto do mundo no YoutubeYoutuber desafia boxeador e é nocauteado; vejaLuva de Pedreiro recebe placa do YouTube e gera polêmica; entenda

Fonte: Engadget

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

O post Twitter indicará outros aplicativos para evitar assédio dentro da rede social apareceu primeiro em Olhar Digital.

Deixe um comentário

Generated by Feedzy